O projeto consiste na geração de energia a partir de fontes sustentáveis, como energia eólica, energia solar e energia produzida por atividades físicas

Alunos dos cursos de Ciência da Computação, Engenharia de Alimentos, Engenharia Civil e Engenharia Ambiental do IF Goiano – Campus Rio Verde, sob a orientação de vários professores, estão trabalhando em um projeto de pesquisa que objetiva agregar aspectos de preservação do meio ambiente com vistas à manutenção do ecossistema global.

O projeto consiste na geração de energia a partir de fontes sustentáveis, como energia eólica, energia solar e energia produzida por atividades físicas. Para a pesquisa, foram instaladas duas placas solares de 260 watts cada e um gerador eólico de 500 watts, próximo ao bloco da Engenharia Civil. A adaptação de uma bicicleta ergométrica a um gerador é a outra fonte testada.

Segundo os pesquisadores, a energia gerada por cada uma das fontes será medida constantemente e armazenada em um banco de baterias. Por meio de um conversor, a energia ficará disponível em 220 volts e poderá ser utilizada para carregar aparelhos de telefones celulares, notebooks e tablets.

Mestrado Profissional em Engenharia Aplicada e Sustentabilidade
Uma das linhas de pesquisa do mestrado de Engenharia Aplicada e Sustentabilidade é Eficiência Energética e Sustentabilidade que compreende o melhoramento de fontes energéticas, a racionalização de energia, bem como a aplicação de fontes de energias renováveis, como biocombustíveis, hidroelétrica, solar, eólica e geotérmica, por meio de iniciativas ambientalmente corretas.

Contempla formas de evitar desperdícios e reduzir os impactos ambientais, tanto na produção quanto no consumo, por meio do desenvolvimento e da aplicação de soluções em eficiência energética, gerando conhecimento, competitividade, produtividade, conforto e benefícios socioambientais, por meio de ações técnicas, organizacionais e comportamentais.

Desta forma, a pesquisa em andamento oferecerá oportunidades para que novos projetos sejam desenvolvidos a partir do que já foi realizado. Sem contar, que os mestrandos poderão usufruir de equipamentos, como osciloscópio e fontes de tensão já adquiridos com recursos destinados ao projeto em questão.

Jardim Botânico Rio Verde
O projeto faz parte das ações do Jardim Botânico Rio Verde. Sua proposta é criar uma área de convivência onde as pessoas possam carregar baterias de celulares, tablets e notebooks, utilizando energia gerada pelas fontes já citadas. A pesquisa conta com financiamento do CNPq e tem a parceria da Secretaria de Ciência e Tecnologia de Rio Verde. A previsão é de que os trabalhos se encerrem no final deste ano.

Fonte: Rio Verde Agora

Send this to friend